Thumbnail da trilha de código limpo Clean Code Month
Desenvolvimento

Tenha um Código Limpo com a trilha Clean Code Month

Thumbnail da trilha de código limpo Clean Code Month
Comunicação DB1
01 de junho de 2020
Thumbnail da trilha de código limpo Clean Code Month

O Clean Code (Código Limpo) tem um grande apelo filosófico: é mais do que uma recomendação técnica, envolve uma preocupação legítima com a praticidade que outras pessoas terão para entender seu código. Porém, essa mesma aura filosófica pode fazer você postergar seu aprendizado de código limpo. Parece ser muito mais complicado do que realmente é!

“Ok, mas mesmo que seja simples, por que devo me preocupar?”

Há uma analogia interessante sobre código limpo. Imagine que você é um médico prestes a começar uma cirurgia. O paciente diz: “Rápido, doutor, não precisa lavar as mãos com tanto jeito, o tempo é curto!”. Você aceitaria esse pedido? Por mais que o cliente tenha o poder de fazer exigências, você é o profissional que mais sabe as consequências de deixar as boas práticas de lado. E é você quem responde caso algo dê errado. (Analogia parafraseada do vídeo de Filipe Deschamps, que inspirou muitos pontos desse artigo).

Nesse artigo, vamos falar o que é Código Limpo, explorar um pouco mais a importância dessa prática e te presentear com uma trilha completa de vídeos gratuitos sobre o tema. Tudo de dev para dev! Seja você dev Java, PHP… Front-end ou Back-end… o Clean Code pode te ajudar na sua evolução.

Bora lá?

Para entender Código Limpo, vamos definir “Código Sujo”

Você já se sentiu impedido de programar bem por estar desenvolvendo em cima de um código sujo? É como abrir uma mata fechada pela primeira vez: você nunca sabe quais detalhes de implementação podem te surpreender.

E o pior: você não consegue acertar sozinho, apenas adaptar. O Código Sujo é uma cidade que cresceu no improviso.

Enquanto isso, o Código Limpo é uma cidade planejada, previsível, simples de entender. Talvez por isso mesmo tantos desenvolvedores se desinteressem pela prática: a gente gosta de desafios! Tudo bem, é compreensível. Mas a quantidade de retrabalho e dor de cabeça que você pode ter, ou causar aos colegas… isso acaba não valendo a pena.

Por que acabamos fazendo o código sujo?

  1. Tentar entregar resultados rápido demais
  2. Ver o deadline próximo e se desesperar
  3. Estar cansado da tarefa e querer terminar “de qualquer jeito”, só para partir pra próxima implementação
  4. As implementações mudaram demais durante o projeto
  5. Seu chefe e seu cliente não têm clareza do que você faz, e só reclamam do seu trabalho
  6. Você chegou, e o código já estava destruído de um jeito que, se você tentar consertar, tudo quebra de vez.

Mas sabe de quem é a culpa no final…?

via GIPHY

É, jovem… no fim, nenhuma justificativa por ter “sujado” o código vai limpar a sua barra, quando chegar a hora de explicar para o cliente.

Você vai programar como um amador, ou como um profissional?

É claro que isso depende muito da autonomia que você tem na sua empresa. Mas vamos lá, uma empresa que não te permite trabalhar com a qualidade técnica ideal, não vai durar muito mais no mercado. Se esse é o seu caso, aproveite a demanda por mão de obra e procure novas oportunidades (aliás, se você pensa em Java, dá uma olhada nas nossas vagas).

E o que é um Código Limpo?

Entender que o Código Limpo é previsível e fácil de ser continuado por novos colegas não é suficiente para que você comece a programar assim. Mas fique tranquilo: lembra que prometemos uma trilha gratuita de conteúdos? No final do artigo, você terá a oportunidade de receber tudo no seu e-mail.

O que podemos adiantar aqui, é que o Clean Code se trata de um código que, só de bater o olho, tudo faz sentido. É possível prever o resultado final, mesmo lendo o início do código. Parece mágica? Bem, envolve muito menos magia do que ter que desencriptar um código sujo a todo momento.

“Mas isso só diz respeito a leitura? Eu quero programar!”

Lembre-se: A sua produtividade está diretamente ligada à qualidade do código, seja ele escrito por você, ou não. Você passará muito tempo fazendo manutenção de software, e isso é bem mais complicado do que desenvolver do zero.

Os programadores passam a maior parte do tempo lendo e entendo o código do que programando. A proporção de leitura para escrita do código é de 10:1Essa afirmação foi feita pelo Robert C. Martin ao analisar o histórico de atividades do seu próprio editor quando estava programando.

Não há como escrever um código sem lê-lo. Você sempre terá que ler um código antigo quando estiver criando um novo. Por isso, escrever um código que facilite a leitura é de suma importância. Se você quiser ser um programador melhor e mais produtivo, não há como escapar, comece escrevendo um código mais limpo.

Pegou o espírito? Agora, você deve estar sentindo curiosidade de saber o que o conteúdo do Clean Code Month pode somar para que você comece a programar códigos limpos. Vamos falar da trilha!

O que é o Clean Code Month?

Primeiramente, vamos explicar o que é Lightning Talk, conforme você pode ler na imagem do artigo. Uma Lightning Talk é uma palestra relâmpago! Elas começaram em uma conferência de Python, em 2017, e duravam em média 5 minutos.

Aqui na DB1, trouxemos a prática das Lightning Talks como um espaço totalmente aberto para quem quiser compartilhar conhecimento. A pessoa desenvolvedora, ou tester, ou gerente de projetos… enfim, todos os colaboradores têm a autonomia de apresentar o tema que desejarem no que chamamos de Espaço Talk. Aqui no blog, você pode conferir várias LTs de diversos temas, basta procurar por Lightning Talk na busca!

É claro que não vamos te entregar uma trilha inteira de Código Limpo em apenas 5 minutos… mas conseguimos concentrar uma quantidade enorme de conteúdo em 15 vídeos de até 20 minutos cada.

De quem foi a iniciativa dessa trilha?

Assim como os Lightning Talks, a trilha Clean Code Month foi uma iniciativa livre de devs do time DB1. Trouxemos uma palavra do Francisco Thiago de Almeida, que movimentou a ideia junto do Altieres de Matos:

“A iniciativa tinha interesse duplo: O primeiro era de poder incentivar pessoas que nunca tinham apresentado conteúdo técnico em LTs. Por ser um assunto cotidiano – mas não menos importante – acreditamos que os temas poderiam trazer maior segurança para os palestrantes. E assim tivemos um quadro equilibrado, contando com pessoas de várias senioridades, divulgando conhecimento.
E por fim, o mais importante, que é oxigenar esse conteúdo dentro da DB1. As boas práticas não podem ser abordadas e lembradas apenas uma vez, no começo da carreira como desenvolvedor. Precisa ser revisitada constantemente. Desta forma, o Clean Code Month, além de relembrar conteúdo técnico, também serviu para ventilar o assunto e relembrar a todas as camadas dos times (desde a gestão até o desenvolvimento) de que a qualidade na entrega também envolve a qualidade DA entrega: um código limpo e de fácil manutenção.”
A trilha Clean Code Month mobilizou diversos colaboradores da DB1, e teve o apoio do Comitê Técnico:
O Comitê Técnico é uma iniciativa dos colaboradores, subsidiada pela DB1, que busca promover a troca de conhecimento, auxilia na manutenção da qualidade técnica dos times e ajuda a desvelar referências técnicas, através do apoio na produção e disseminação de conteúdo técnico.

O que o Clean Code Month ensina?

Com uma pegada bem direta, unindo expertise técnica e descontração, você aprende conceitos de código limpo sem enrolação.

O conteúdo dos 15 vídeos se divide em:

  • SOLID de verdade
  • Beijinho no ombro para a complexidade passar longe
  • Não seja um Code Serial Killer!
  • Erros. Onde vivem? O que comem? Como tratá-los?
  • Methods!
  • SOLID – SRP
  • UnitTest
  • 13 Sintomas de quem não escreve código limpo
  • SOLID – Interface Segregation Principle
  • Refatorando seu código
  • SOLID – Open/Closed Principle
  • Dependências
  • From Legacy Code to Clean Code
  • Liskov Substitution Principle
  • Source Code Structure

Receba a trilha de código limpo no seu e-mail!

Para ter acesso aos 15 vídeos, é simples! Deixe seu e-mail abaixo e confira na sua caixa de entrada o link com tudo disponível, gratuito!

Fique tranqulo: não vamos te spammar com bobagem.


Escrito por

Comunicação DB1

Inscreva-se e receba nossa newsletter!

Estamos sempre gerando conteúdos inéditos para compartilhar conhecimento com você, além das últimas notícias de tecnologia.