skip to Main Content
DB1 Global Software Uma Empresa De Tecnologia De Maringá

Melhores cidades para morar (e trabalhar): conheça Maringá!

Maringá, município com mais de 403 mil habitantes do noroeste paranaense, tem se mostrado presença constante há alguns anos entre as melhores cidades para morar no BrasilOs motivos se relacionam diretamente com a qualidade de vida e com as oportunidades presentes no local, que são benéficas a curto e a longo prazo. 

Para além de universitários, que são atraídos pelas inúmeras opções de cursos e de graduações disponíveis na cidade, Maringá tem se tornado a querida daqueles que buscam estabilidade, praticidade e bem-estar. 

Quer conhecer mais sobre uma das melhores cidades do Brasil para se viver? Então, continue a leitura do texto e familiarize-se com Maringá, seus benefícios, suas oportunidades e seus pontos turísticos! 

Maringá: a melhor cidade para se morar no Brasil 

Segundo pesquisas realizadas pela revista Exame, em parceria com a Macroplan, Maringá ocupa a primeira posição no ranking geral entre as melhores cidades do Brasil. Para desenvolver o índice, foram analisados quesitos como qualidade de vida, áreas verdes, desenvolvimento econômico e aplicação de políticas públicas sustentáveis, que visam o bem-estar da população. 

É válido destacar, ainda, que o município ocupa o pódio pela terceira vez: em 2017 e em 2018, Maringá também recebeu o reconhecimento. Além disso, a cidade também melhorou seu posicionamento quando o assunto é saneamento e sustentabilidade, de forma que foi do sétimo para o terceiro lugar no período de dez anos. 

Vista aérea de Maringá, uma das melhores cidades para morar, com a Catedral e seus arredores durante o dia.
Vista panorâmica da Catedral de Maringá e seus arredores. Imagem: Reprodução | Ricardo Matiello

Evidentemente, existem outros motivos para conhecer mais sobre a cidade e escolhê-la como opção na hora de se desenvolver, de construir sua família e de conquistar estabilidade. Conheça mais cada um deles! 

Por que morar em Maringá? 

Maringá conquistou sua posição entre as melhores cidades com qualidade de vida devido à combinação de diversos fatores, que a tornam atraente para jovens e adultos. Diversidade, culturaempregos, áreas verdes e muitas outras razões podem ser listadas facilmente. 

Variedade de lazer 

Quem busca momentos de descontração em família, barzinhos para curtir com os amigos, parques para praticar exercícios e outras opções de lazer se sentirá realizado em Maringá. O município conta com uma extensa programação, com atividades para os dias úteis e para os finais de semana. 

Entre baladas, pubsshopping centers, áreas de caminhada, cinemas, restaurantes, cervejarias e muito mais, a cidade oferece um vasto catálogo para os momentos de diversão, adaptáveis para as mais diversas faixas etárias. 

Portanto, morar em Maringá é uma ótima oportunidade para quem busca opções para relaxar ao mesmo tempo em que ampara, também, quem busca por desenvolvimento pessoal e profissional. 

Oportunidades de emprego 

O município pode, facilmente, ser considerado uma das melhores cidades para trabalhar no Brasil. Segundo a citada pesquisa da Exame, Maringá vem registrando altas no quesito de oportunidades empregativas mesmo durante a pandemia. 

Para ilustrar esse cenário, um dado é bastante relevante: a cidade começou 2021 com praticamente 900 vagas postos de trabalho disponíveis para as mais diversas áreas. Ademais, o salário médio dos moradores gira em torno de R$ 3.000. 

Profissionais de fora que desejam mudar de vida – e até de carreira – podem contar com o apoio de grandes empresas localizadas em Maringá, como é o caso da DB1 Group. 

Colagem com fotos dos colaboradores da DB1 em Maringá.
Colaboradores da DB1 e seus registros por Maringá.

Fundada em Maringá em 2000, a DB1 afirma que “90% dos colaboradores levam menos de 30 minutos para chegar ao trabalho”, e que “17 parques estão distribuídos pela cidade, ideais para aquela corrida no fim da tarde”. Além de outras vantagens, como o custo de vida competitivo em comparação às capitais. 

Ilson Rezende, CEO e fundador da DB1 Global Software e presidente do Conselho de Desenvolvimento Econômico de Maringá (Codem), contribuiu para a matéria com sua visão da cidade. 

Ilson é um fã do estilo de vida maringaense. Formado em processamento de dados na Universidade Estadual de Maringá e filho de agricultores, passou seis anos afastado da cidade, mas retornou pela possibilidade de empreender e ter esse estilo de vida contagiante, popularmente conhecido como “maringaísmo”. 

Cidade planejada 

Maringá é uma cidade planejada, o que significa ruas e calçadas largas, centros comerciais bem distribuídos, fácil movimentação pelo município e trânsito bem organizado, com faixas e vias estrategicamente posicionadas. 

Logo, morar em Maringá significa praticidade e simplicidade na hora de se movimentar para o trabalho, para a universidade ou para a escola, no caso de pessoas que possuem filhos. 

Alta gastronomia 

Maringá é preenchida de restaurantes incríveis, capazes de satisfazer diferentes necessidades quando o assunto é comida. As opções são diversas: culinárias estrangeiras, pizzarias, bares, cachaçarias, padarias – algumas, inclusive, com prêmios de destaque nacional, como a Brioche Crocante –, cafés, hamburguerias, sorveterias e muito mais! 

Arredores da Catedral de Maringá durante a noite.
As redondezas da Catedral de Maringá, localização cercade de restaurantes, em vista aérea. Imagem: Reprodução | Ricardo Matiello

Na hora de saborear bons pratos, as possibilidades de estabelecimentos são tão diversas quanto as comidas servidas. Shopping centersespaços privados e compartilhados, como é o caso do Mercadão de Maringá e do Pátio Containerpodem ser encontrados por toda a cidade. 

O carro chefe, no entanto, foge do considerado (pelos chefes de cozinha) alta gastronomia: o cachorrão, também conhecido pelos moradores como dogão. O cachorro-quente prensado é tão famoso em Maringá que, em 2017, a Câmara dos Vereadores aprovou um projeto de lei que define oficialmente como prato típico do município. 

As opções de lugares para saborear um bom cachorrão não faltam e podem ser encontradas por toda a cidade, em estabelecimentos físicos, em virtuais (acessados via aplicativos de delivery) e em trailers. 

Cultura 

O investimento em cultura é um diferencial para muitas pessoas na hora de escolher uma cidade para morar. Se você valoriza a arte e, principalmente, o acesso a ela, vai encontrar, em Maringá, mais uma vantagem. 

Anualmente, a prefeitura da cidade investe cerca de dois milhões de reais em projetos culturais, segundo a página do órgão municipal. Essa é uma forma de fomentar o desenvolvimento das artes populares, visuais, cênicas, literárias, sonoras e audiovisuais. 

Fachada do teatro Calil Haddad, em Maringá.
Teatro Calild Haddad, um dos maiores localizados em Maringá e palco de diversas apresentações. Imagem: Reprodução | Maringá Post

Além disso, é uma maneira da prefeitura apoiar patrimônios culturais, prezando pela formação cultural da cidade. 

O município ainda conta com eventos (gratuitos e pagos), cinemas, teatros e exposições sendo constantemente desenvolvidas. Como destaque podemos citar, por exemplo, a Festa Literária de Maringá (Flim), realizada anualmente com o propósito de conversar e de apoiar a literatura. 

Flim já possui sete edições e, atualmente, conta com renome, atraindo estudiosos, apaixonados por livros e artistas (nacionais e internacionais) para Maringá, a fim de celebrar o evento. 

Logo, o apoio à arte e à cultura é bastante presente em Maringá, e você poderá contar com acessos gratuitos a muitas dessas oportunidades. 

Espaços para exercícios 

Para além das academias privadas, Maringá é uma cidade que pensa na qualidade e no bem-estar de forma saudável e acessível. Por isso, nos últimos anos, pistas de caminhada, equipamentos de exercício ao ar livre, ciclovias e quadras abertas foram instaladas na cidade. 

No que tange às ciclovias, espaços preferidos dos apaixonados por bicicletas, Maringá conta com seis trechos, hoje em dia, localizados em avenidas importantes da cidade, como a Pedro Taques e a Brasil. Ao todo, são cerca de 40 quilômetros de faixa. 

Ciclovia da Avenida Brasil, em Maringá, durante o dia, com flores e uma ciclista.
Ciclovia da Avenida Brasil, em Maringá. Imagem: Reprodução | Prefeitura de Maringá

As pistas de caminhada são encontradas ao redor de parques e na Vila Olímpica, por exemplo. Um destaque especial, nesse quesito, deve ser dado à obra do Parque do Ingá, que conta com emborrachamento azul, a fim de proporcionar mais segurança e conforto para as pessoas durante os exercícios. 

O material suaviza o pisar e ainda apoia políticas sustentáveis, pois é produzido em Maringá a partir de resíduos de borracha e de pneus. 

A cidade também possui centros esportivos distribuídos em diversas regiões, de forma que acessá-los é fácil e prático. Neles, é possível encontrar atividades gratuitas ou com valores mais acessíveis, voltadas para crianças e para adultos. 

Tecnologia 

Cada vez mais, Maringá vem apostando em inovação e em tecnologia como um de seus pilares. Além do Centro de Inovação, a cidade está investindo em um Parque Tecnológico e possui eventos destinados à área. 

Como exemplo, podemos citar o Ticnova, um evento destinado para o setor de Tecnologia da Informação e de Comunicação, com o intuito de reunir especialistas para compartilhar conhecimentos, inovações e tendências da área. 

Um outro avanço da cidade, segundo a revista Pequenas Empresas & Grandes Negócios, é que Maringá tem se desenvolvido para se tornar o Vale do Silício da região paranaense. As empresas de tecnologia se desenvolvem, de acordo com a reportagem, de 20% a 30% por ano. 

Atualmente, Maringá conta com mais de 400 empresas de TI, as quais movimentam mais de um bilhão de reais por ano, de forma que existem, sempre, diversas vagas abertas para profissionais do setor. 

O movimento constante na área tem gerado, ainda, debates bastante interessantes, como o levantado pelo grupo DevGirls, que reúne mulheres especialistas em tecnologia de Maringá, promovendo diálogos sobre a presença do gênero no setor. 

Sobre o Parque Tecnológico

O Parque Tecnológico de Maringá será sede de várias das 400 empresas do setor de inovação encontradas no município em um futuro próximo. O espaço está sendo desenvolvido na Avenida Nildo Ribeiro da Rocha, próxima a um dos cartões postais da cidade, o Parque do Japão. São 180m² de extensão cujo intuito é criar um ecossistema que preza pela tecnologia, pela pesquisa, pelo desenvolvimento e pela inovação. 

O Parque Tecnológico é certificado pelo Governo do Estado, o que torna o local atrativo para quem se interessa pela vida acadêmica e pela integração das universidades no setor de inovação. Em outras palavras, cientistas, empreendedores e apaixonados por tecnologia encontrarão, no espaço, um local para trabalharem em conjunto. 

Justamente por compreender o benefício para todo o cenário tecnológico e por prezar por uma Maringá como destaque no segmento, o Grupo DB1 adquiriu um dos lotes disponíveis no parque, totalizando 11 mil m² para a empresa. 

Ao todo, serão 2.500 postos de trabalho divididos em quatro áreas, além de auditório, de estúdio, de espaço Thinking and Talk para trocas de experiênciasde laboratório de inovação e de salas para treinamentos, reuniões e descompressão. 

De acordo com Ilson Rezende, presidente, fundador e CEO do Grupo DB1, “o Parque de TI é a realização de um sonho antigo do setor para posicionar Maringá e região como um dos principais polos de TI do Brasil, sendo referência como um Ecossistema de Inovação”. 

Origem do nome 

Nomeada em referência à famosa composição de Joubert de Carvalho, “Maringá” fala da beleza de uma retirante de olhos verdes, que fugiu da seca e deixou saudades. A música obteve grande sucesso nos anos 30, e era especialmente muito cantarolada na região pelos trabalhadores, conhecidos como “machadeiros”.  

Daí a alcunha de “Cidade Canção”. Maringá também é apelidada de “Cidade Verde”, graças ao planejamento urbanístico, que preserva a flora da cidade: Maringá é uma das cidades mais arborizadas do Brasil. 

Pontos turísticos em Maringá 

Com tantos benefícios para se viver, Maringá também é uma cidade repleta de belezas, que atraem turistas e encantam moradores, que fazem piqueniques, caminhadas e outras atividades nesses locais. Conheça alguns desses pontos! 

Catedral de Maringá 

Provavelmente, a Catedral Basílica de Maringá é o ponto turístico mais conhecido da cidade. A construção possui, considerando a cruz em sua ponta, 124 metros de altura, o que a coloca no primeiro lugar entre as catedrais da América Latina. 

Catedral de Maringá, uma das melhores cidades para morar, vista de cima.
Catedral de Maringá, um dos cartões portais da cidade. Imagem: Reprodução | Prefeitura de Maringá

Durante o dia, o monumento é encantador em seus detalhes, com vitrais e pinturas internas incríveis. Durante a noite, fica igualmente maravilhosa, pois é iluminado com cores surpreendentes de acordo com a época do ano. 

Ao redor da catedral, existe um parque com pista de caminhada, gramado para descansar e restaurantes. Por isso, é uma ótima opção para visitar nos finais de semana e relaxar com os amigos e com a família – desde que, evidentemente, as medidas de segurança contra a Covid-19 sejam mantidas. 

Parque do Japão 

Inaugurado em 2013, o Parque do Japão é uma homenagem aos 100 anos de imigração japonesa no Brasil, data comemorada em 2008 (quando os planos do projeto já estavam em andamento). 

Ao todo, são 100 mil m², distribuídos em gramados, caminhos para passeiolocais para relaxamento e jardins. O espaço é uma homenagem à cultura japonesa, com direito a lagos com carpas, cerejeiras e casa de chá com produtos comuns no país. 

Vista do Parque do Japão.
Parte interna do Parque do Japão, espaço desenvolvido em homenagem à imigração japonesa, bastante presente na cidade. Imagem: Reprodução | Notícias de Maringá

A entrada é gratuita e o parque fica aberto de terça a domingo, das nove horas da manhã às cinco da tarde. Durante a pandemia, no entanto, os horários estão alinhados aos decretos municipais, de forma que é válido pesquisar sobre o funcionamento do lugar antes de visita-lo. 

Parque do Ingá 

Um dos lugares mais apreciados da cidade, o Parque do Ingá é uma das reservas de conservação de Maringá cuja área verde é mantida e cuidada para permanecer viva, assim como os animais que ali residem – é comum, por exemplo, encontrar macaquinhos e saguis durante uma visita. 

O parque é rodeado por uma pista de caminhada emborracha e por áreas com aparelhos para exercícios físicos. Internamente, é possível visitar o jardim japonês, a lanchonete, o lago e a gruta de Nossa Senhora Aparecida. 

Além disso, no lago, é possível contratar o serviço de pedalinho, para explorar o espaço, divertir-se com as crianças e até relaxar. 

Perfis para seguir 

Quer conhecer mais Maringá e ficar por dentro de novidades, de lançamentos e de informações sobre a cidade? Então siga alguns perfis locais no Instagram, todos focados em entretenimento e em notícias! 

Cooperativismo e iniciativa privada 

Ilson, presidente da DB1, já citado acima, comenta: “quando eu morava na roça, notava que quando um terminava a colheita, ia ajudar o outro. Ninguém tinha funcionários”.  

Assim, a cidade planejada é também um local de espírito cooperativista. Este sentimento é representado por empresas como a Cocamar (uma das maiores cooperativas agropecuárias do país) e pelo Sicoob (sistema cooperativo de crédito). 

A influência privada também é forte: nada acontece em Maringá sem que a Associação Comercial de Maringá (Acim) e o Conselho de Desenvolvimento Econômico de Maringá (Codem) participem ativamente da decisão. “Tudo o que a prefeitura vai fazer se discute com o Codem”, diz Ulisses Maia, prefeito do município. 

Ilson Rezende diz que o movimento natural nas últimas décadas tem sido o de a administração pública acatar o plano privado. “Nós chamamos o candidato, ele assina, em cartório, e inclui o plano do Codem no plano de governo. O compromisso dessa gestão é entregar o nosso Ideb em 7,8”. O Codem monitora 47 indicadores e metas que os prefeitos se comprometem a entregar. 

Uma carreira em tecnologia com qualidade de vida te espera aqui!

Assim é Maringá: acolhedora e promissora. Capaz de transformar sonhos em realidade, desenvolver pessoas, proporcionar lazer e gerar crescimento profissional. Nesse cenário, a DB1 Group tem grande orgulho de pertencer à cidade e perpetuar o “maringaísmo”! 

Se apaixonou pela cidade e quer buscar oportunidades por aqui? Existem várias vagas de emprego em Maringá, de forma que, só na DB1, mais de 100 estão abertas. Para conhecer mais sobre elas, clique na imagem abaixo e acesse a página oficial da empresa! 

Clique para acessar a página de vagas da DB1.

Compartilhe:

This Post Has 2 Comments

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top